Instantes Perdidos

Instantes que se perdem na vida rodopiante e alucinada... Instantes escritos em poesia na busca da perfeição.

quinta-feira, março 24, 2005

Saudades da tua beleza.



Saudades? Apenas do teu calor,
Da tua alegria do conjunto da nossa dor.
Cresce em mim a saudade tua
Apesar da visão da tua dor
Sei que olhamos a mesma lua.
Saudades? É o sabor que sinto,
Tenho saudades tuas, tenho sim,
A dor de ver-te sofrer não recua,
Suspiros que teu sorriso me dava,
Agora a dor em ti está tão dura,
Que a tristeza em mim alastrava,
Minha alma para ti está nua...
A tristeza recente,
Deseja acalmar a dor crua...
Melhora linda, por amor,
Triste estou e estarei sempre,
Ao te ver sofrer e com dor...
Porque o teu sorriso não finda,
Quem me dera não ser eu
Quem me dera não seres tu
O coração não é meu,
Será para sempre...
...da tua alegria
Será sempre da Gente.
Para a tua dor passar o que eu não fazia....

Assin: Artur Rebelo
(Melhoras para ti Marina)

A imagem das barras de ouro é apenas para te relembrar
que a amizade vale mais que ouro. Um carinho para tu.

4 Missivas:

  • Blogger litle lucy, escreveu…

    Sabes meu querido o teu poema fez com que uma lágrima timida descesse pela face..
    Espero que ela melhore rapidamente..
    Ela é um tesouro, uma amiga.. Sim uma grande amiga

    {estou a escrever algo para ela tb}

    Um beijo doce para ti meu querido amigo, belas palavras e tão gentis

    Rose

     
  • Blogger Cathy, escreveu…

    "Minha alma para ti está nua..."
    Eu adorei ler-te...LEr as palavras que sairam de ti...te fizeram.."nu".
    Um grande abraço duma amiga...
    ---m0rena---

     
  • Blogger Uma estrela errante, escreveu…

    Teu coração é de ouro!

    Linda mensagem que deixas a uma amiga, que precisa neste momento dos amigos.

    Uma Pascôa Feliz.

    Beijinhos

    Isa

     
  • Blogger Vênus, escreveu…

    Que suaves,tocantes e belas suas palavras...Deixo um carinho e um beijo...
    NANE

     

Enviar um comentário

<< Voltar